quinta-feira, 17 de junho de 2010

Cronica do Amigo Ausente


CRÔNICA PARA UM AMIGO AUSENTE

PROCURO UM AMIGO QUE SE ENCONTRA PERDIDO EM MEIO ÀS ILUSÕES EM GESTOS DE SÚPLICA,
EVOCANDO FANTASIAS...SEU SILÊNCIO ECOA ENTRE ÀS RÉSTIAS DAS PORTAS,E O TENHO GUARDADO
PARA SEMPRE NOS INTOCÁVEIS CANTOS DA MEMÓRIA. A SUA FIGURA ESGUIA CRISTALIZOU-SE À SUA
AUSENCIA,INSTALANDO SAUDADE EM CADA TECLA DO MEU COMPUTADOR.OS MEUS OLHOS O BUSCAM
CONSTANTEMENTE E TUDO SE EXTASIA EM MINHA MENTE.
TE PROCURO CONTINUAMENTE EM OLHOS FIXOS À
MINHA TELA E VEJO APENAS,RÉSTIAS E SILÊNCIOS...
MINHA ALMA REFLETE EM VERSOS O TEU CORPO PEDINDO AFAGOS,MAS TUDO SE ACOMODA,ATÉ MEU
CORAÇÃO EM DESALINHO.A NOITE SENTENCIA O MEU LAMENTO À TUA PROCURA,E ESTÁS COMPLETAMENTE
ALHEIO AO MEU SUPLÍCIO.QUERO EMOLDURAR-TE NAS PAREDES DO MEU CORAÇÃO PARA COMPORES EM
MIM ETERNAMENTE A TUA AUSENCIA E SAUDADES.
AGORA FATIGADA DAS ESPERAS, PONTILHO A TUA AUSENCIA E VOU PARA UM LUGAR CHAMADO NUNCA
MAIS..!


COM CARINHO,

ZINAH ALEXANDRINO,TUA AMIGA ABSOLUTA!

2 comentários:

daufen bach. disse...

Olá minha cara Zinah!
depois de muito tempo ausente, retornando, visitando os amigos...

olha...estou com teu material para a publicação no Biografia, aqui fazendo as atualizações, tao logo esteja pronto, divulgo viu!

beijo grande a ti...

daufen bach.

Beatriz Napoleão disse...

Parabéns pelo seu blog, Zinah! Espero que continue atualizando, para que possamos acompanhar o que você tem escrito.